Atualidade

A importância da quelação de ferro em doentes com síndromes mielodisplásicas

28 Out. 2019

Por ocasião do Dia Mundial de Sensibilização para síndromes mielodisplásicas (SMD), assinalado a 25 de outubro, é de recordar que em cerca de 1/3 dos casos há evolução para leucemia mieloblástica aguda. Devido aos sintomas da doença e à necessidade de transfusões de sangue, torna-se importante eliminar sobrecarga de ferro, com as devidas terapêuticas de suporte. Sobre a gestão destes doentes e a consequente necessidade de tratar a sobrecarga de ferro publicamos a opinião de três especialistas.

Por favor faça ou registe-se para aceder a este conteúdo

Newsletter

Hematologia e Oncologia, 27, setembro 2019

Opinião

Transplantação de medula óssea e infeção por citomegalovírus
Prof. Doutor Manuel Abecasis, diretor do Departamento de Hematologia do IPO de Lisboa

PUB