Atualidade

Estudo demonstra efeito promissor da inibição das metaloproteinases da matriz na progressão da LMA

24 Out. 2022

Apesar dos progressos na terapêutica da leucemia mieloide aguda (LMA), a incidência de recidivas permanece elevada resultando num prognóstico desfavorável. Um dos desafios do desenvolvimento de tratamentos eficazes para a LMA assenta na extensa diversidade ao nível da biologia da doença, suportada pelo elevado número de alterações genéticas que levam ao seu desenvolvimento. No trabalho liderado por Pirillo C et al, o principal objetivo foi o de averiguar o potencial terapêutico da inibição farmacológica das MMPs usando o inibidor de largo-espectro prinomastat.

 

Newsletter

Hematologia e Oncologia, 27, setembro 2019

Agenda

Agenda News Farma

Opinião

Transplantação de medula óssea e infeção por citomegalovírus
Prof. Doutor Manuel Abecasis, diretor do Departamento de Hematologia do IPO de Lisboa
Linfoma de Hodgkin: neoplasia rara mas altamente curável
Prof. Doutor Herlander Marques, oncologista no Hospital de Braga e investigador no Centro Clínico Académico

Apoios

AbbVieAmgenAstellasBayerGileadGSK

 

MSDNovartisSanofi

Logo